Sistema de Arrefecimento e Filtragem de Gases

terça-feira, 20 de março de 2012

Sistema de Arrefecimento e Filtragem de gases

SISTEMA DE ARREFECIMENTO        E FILTRAGEM DE GASES

              Qual o problema que                          pretendemos resolver?


A inovação tecnológica SAFG atua diretamente na emissão dos gases poluentes oriundos da queima de combustíveis sólidos, líquidos e gasosos emitidos através das indústrias de transformação, veículos, máquinas, equipamentos e estruturas.
Estudos revelam que aproximadamente 40% da emissão dos gases responsáveis pelo efeito estufa, é resultado direto da emissão de gases tóxicos resultantes da queima de combustíveis fósseis gerados por veículos automotores, equipamentos, estruturas  e chaminés industriais.
Qual é a solução encontrada?
O Sistema tem como objetivo principal a diminuição, eliminação e ou neutralização dos gases poluentes, assim como a retirada de calor e fuligens que são emitidos diariamente através dos escapamentos e chaminés das indústrias. Esta inovação tecnológica (catalise de neutralização) trabalha no resfriamento e retirada de temperatura dos gases, possibilitando a retenção dos mesmo em um refil adequado acondicionado no silenciador. O grande diferencial é que não  há reação química no sistema. Caminho inverso dos catalisadores existente. 

sexta-feira, 16 de março de 2012

SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES

APRESENTAÇÃO DO PROJETO:
SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES


Londrina, janeiro de 2012.


Prezados senhores,
Atuei como Professor/Gestor de Processos Educacionais durante 22 anos no SENAI/DEPARTAMENTO REGIONAL DO PARANÁ, e atualmente trabalho no segmento de prestação de serviços industriais, em especial no desenvolvimento de produtos e processos sustentáveis.

Tenho conhecimento que esta renomada empresa possui práticas de respeito à responsabilidade social de seus empreendimentos, produtos e serviços, zelando fortemente na política e preservação do meio ambiente. Gostaria de apresentar o SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES, objetivando uma parceria para fabricação e comercialização deste Sistema.

O Sistema de Arrefecimento e Filtragem de gases tem como objetivo propiciar a neutralização, diminuição e eliminação dos GASES poluentes, assim como a retirada de calor e fuligens que são produzidos pelos automóveis, equipamentos e estruturas, que emitem diariamente através dos escapamentos toneladas de substâncias tóxicas prejudicando e contaminando o meio ambiente. A referida invenção está em fase de registro junto ao INPI, e o pedido de patente foi depositado em janeiro de 2012.

Permaneço à disposição para os esclarecimentos que se fizerem necessário referente ao objeto de INVENÇÃO. E desde já agradeço seu fundamental apoio e interesse, para que juntos possamos contribuir na busca de soluções sustentáveis para o bem estar do nosso planeta.
Segue em anexo escrituração da PATENTE junto ao INPI.
Atenciosamente,

______________________________________
Prof. Aparecido Ribeiro dos Santos
catedraticos_ribeiro@hotmail.com

https://www.youtube.com/channel/UCHclTnuYsyngrDoL6bcWOAQ6bcWOAQ


CURRÍCULO

Aparecido Ribeiro dos Santos
Possui Graduação em Pedagogia pelo Centro de Estudos Superiores de Londrina (1993), e Pós-Graduação em Gestão de Processos Industriais pela Fundação Carlos Alberto Vanzolini SP. Técnico em Segurança do Trabalho, com registro no Mtb. Tem experiência na área de administração escolar, apto a desenvolver as seguintes funções: gerência de unidade escolar, supervisão escolar, coordenação de cursos, supervisão de estágio. Tem conhecimento e larga experiência da Lei 6.514, portaria ministerial 3.214. Profissional habilitado a desenvolver as matérias com enfase em segurança e saúde ocupacional conforme formação profissional e complementar citadas no mesmo.
(Texto informado pelo autor)
Última atualização do currículo em 28/01/2009 
Endereço para acessar este CV: 
http://lattes.cnpq.br/8969360221376231
Dados pessoais
Nome
Aparecido Ribeiro dos Santos
Nome em citações bibliográficas
SANTOS, A. R.
Sexo
Masculino

Endereço profissional
Centro de Formação Profissional de Maringá, SENAI. 
Vereador Nelson Abrão, 80
Zona 5
99999-999 - Londrina, PR - Brasil
Telefone: (44) 32185600 Fax: (44) 32185607
URL da Homepage:
 http://www.pr.senai.br/unidades/noroeste/maringa/


Formação acadêmica/Titulação
1997 - 1998
Especialização em Programa de Gestão Industrial Lato Sensu . (Carga Horária: 356h). 
Fundação Carlos Alberto Vanzolini, FCAV, Brasil.
 
Título:
 Programação, Planejamento e Controle da Produção. 
Orientador:
 Percy Engel.

1990 - 1993
Graduação em Pedagogia . 
Centro de Estudos Superiores de Londrina, CESULON, Brasil.

Formação complementar
2006 - 2006
Segurança em Instalações e Serviços com Eletricida. (Carga horária: 40h). 
Senai PR.

2002 - 2002
Extensão universitária em Gestão Financeira. (Carga horária: 32h). 
Pontifícia Universidade Católica do Paraná.

2002 - 2002
Formação de Auditores Internos NBR ISO 9001:2000. (Carga horária: 24h). 
Management Consulting Group.

2002 - 2002
Treinamento de Analista Predictive Index - PI. (Carga horária: 20h). 
Management Resources.

2001 -  2002


2012 - 2012




O Lado Humano das Equipes I e II. (Carga horária: 32h). 
Senai PR.



SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES
Descrição: SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES A presente invenção trata-se de um Sistema de arrefecimento e filtragem de gases veicular, resultantes da queima de combustíveis advindos de veículos automotores, equipamentos ou estruturas que utilizem motores a combustão através da queima de combustíveis líquidos, sólidos ou gasosos e que produzam gases na atmosfera. O Sistema tem como objetivo propiciar a neutralização, diminuição e eliminação dos poluentes, assim como a retirada de calor e fuligens que são emitidos diariamente através dos escapamentos. O Sistema de arrefecimento e filtragem de gases é composto de: Radiador, Ventoinha, Reservatório de água, Bomba d água, Duto de liquido quente, Duto de líquido frio, Trocador de calor, Filtro de gases no interior do silenciador. O Trocador de calor é composto por: Entrada de gases quentes, Difusor/ distribuição dos gases para serpentina, Serpentina, Entrada de liquido de arrefecimento frio, Saída de liquido quente, Difusor de saída, Saída de gases arrefecidos. O Trocador de calor, por sua vez, é acoplado ao Silenciador, no interior do qual conterá um filtro de gases. . 

Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento. 

Integrantes: Aparecido Ribeiro dos Santos - Coordenador.
.


PATENTE


Reivindicações

1 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES caracterizado por ter a finalidade de resfriar, neutralizar, diminuir e/ou eliminar gases veiculares, resultantes da queima de combustíveis advindos de veículos automotores, equipamentos e/ou estruturas que utilizem motores a combustão através da queima de combustíveis líquidos, sólidos e gasosos que produzam gases poluentes na atmosfera, tais como, mas não se limitando a ônibus, carros, geradores de energia, motores estacionários, caminhões, motocicletas, embarcações navais,  aeronaves, retro escavadeiras, tratores, equipamentos agrícolas, empilhadeiras, pá carregadeiras, caldeiras, fornos e plataforma petrolíferas..

2 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme reivindicação 1, caracterizado por ser um conjunto independente e/ou conjugado ao complexo mecânico e não compromete ou interfere no projeto original de qualquer veículo, equipamento ou estrutura, que poderá ser adaptado e até concebido juntamente na construção de veículos, equipamentos ou estruturas.

3 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme demonstrado na Figura 2, caracterizado por  ser composto de: (1) Radiador, (2) Ventoinha, (3) Reservatório de água, (4) Bomba d água, (5) Duto de líquido frio (6) Duto de líquido quente, (7) Trocador de calor, (8) Silenciador e filtro de gases

4 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme reivindicação 3, demonstrado na Figura 3, caracterizado pelo fato do Trocador de calor ser composto por: (1) Entrada de gases quentes, (2) Difusor/ distribuição dos gases para serpentina, (3) Serpentina, (4) Entrada de liquido de arrefecimento frio, (5) Saída de liquido quente, (6) Difusor de saída, (7) Saída de gases arrefecidos

5 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme reivindicações 3 e 4, demonstrado na Figura 3, caracterizado pelo Trocador de calor ser um elemento metálico fechado, dimensionado de acordo com a carroceria de cada veículo automotor, equipamento e/ou estrutura que utilize motor a combustão, acoplado ao Silenciador, no interior do qual conterá um filtro de gases (8).

6 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme reivindicação 3 e demonstrado na Figura 2, caracterizado pelo fato do seu funcionamento dar-se da seguinte forma: o liquido de arrefecimento frio sai do radiador (1), circula através dos dutos de liquido frio e de liquido quente (5 e 6), passando pelo trocador de calor (7), a bomba d água (4) faz a circulação do liquido frio e quente pelo trocador de calor,  reservatório de água (3) armazena e identifica o nível do liquido, o radiador (1) dissipa o calor em conjunto com a ventoinha (2) que força a circulação do ar atmosférico pelas aletas do radiador.

7 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme reivindicações 3, 4, e 5, caracterizado por compreender um trocador de calor demonstrado na Figura 3, sendo que o funcionamento deste trocador de calor realiza-se da seguinte forma: os gases quentes oriundos da queima do combustível do motor entram no trocador de calor (1), são distribuídos no difusor de entrada (2), são distribuídos pelas serpentinas (3), circulam internamente pelas serpentinas onde haverá uma troca térmica com o liquido arrefecedor frio que circula no interior do trocador de calor e os gases são direcionados para o difusor de saída (6), os quais já resfriados saem pelo duto de saída de gases arrefecidos (7) em direção ao silenciador/filtro de gases (8).

8 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme reivindicações 3, 5 e 7 , caracterizado pelo Silenciador demonstrado na Figura 4, conter em seu interior elementos filtrantes (3) com a finalidade de receber os gases arrefecidos através do duto de entrada de gases (1) oriundos do trocador de calor, reter os elementos poluentes, e liberar para atmosfera os gases limpos e tratados (2).

9 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme reivindicação 8, caracterizado pelo fato destes elementos filtrantes terem a função de eliminar, diminuir, neutralizar os elementos poluentes oriundos da queima de combustível do motor, podendo tais elementos filtrantes ser, mas não se limitando a um destes ou um conjunto destes itens:  ímãs, carvão ativado, manta de aço, raspas de couro e fibra de casca de coco, colméia em cerâmica porosa, colméia em porcelana porosa,manta magnética em poliéster,manta magnética em nylon.

10 - SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES conforme reivindicações 3 e 9 , caracterizado pelo fato de poder ser adaptado a qualquer outro elemento filtrante já existente no mercado, como por exemplo, o Filtro de Partícula Diesel (FDP) original Walker, além de outros filtros com a mesma semelhança e função.


Relatório Descritivo

TÍTULO DA INVENÇÃO: SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES


Campo da invenção


A presente invenção trata-se de um Sistema de arrefecimento e filtragem de gases veicular, resultantes da queima de combustíveis advindos de veículos automotores, equipamentos ou estruturas que utilizem motores a combustão através da queima de combustíveis líquidos, sólidos ou gasosos e que produzam gases na atmosfera. O Sistema tem como objetivo propiciar a neutralização, diminuição e eliminação dos poluentes, assim como a retirada de calor e fuligens que são emitidos diariamente através dos escapamentos prejudicando e contaminando o meio ambiente. O Sistema de Arrefecimento e filtragem de gases é um conjunto independente e/ou conjugado ao complexo mecânico. Não interfere no projeto original de qualquer veículo automotor, equipamento ou estrutura, e que poderá ser adaptado e até concebido juntamente na construção de um veículo, equipamentos ou estruturas.

Este sistema atuará diretamente na temperatura dos gases que serão redirecionados para um trocador de calor. Com a diminuição de calor os gases tornam se menos voláteis possibilitando a retenção de elementos poluentes junto às camadas filtrantes acondicionadas no silenciador, as quais terão um tempo de vida útil fazendo-se necessário a substituição somente destes filtros do sistema.

O Sistema de arrefecimento e filtragem de gases é composto de: Radiador, Ventoinha, Reservatório de água, Bomba d água, Duto de liquido quente, Duto de líquido frio, Trocador de calor, Filtro de gases no interior do silenciador. Sendo que o elemento Trocador de calor, integrante do Sistema de arrefecimento e filtragem de gases é composto por: Entrada de gases quentes, Difusor/ distribuição dos gases para serpentina, Serpentina, Entrada de liquido de arrefecimento frio, Saída de liquido quente, Difusor de saída, Saída de gases arrefecidos. O Trocador de calor, por sua vez, é acoplado ao Silenciador, no interior do qual conterá um filtro composto por uma ou diversas camadas de elementos filtrantes.

Estado da técnica

Todos os veículos automotores, tais como: ônibus, carros, geradores de energia, motores estacionários, caminhões, motocicletas, embarcações navais,  aeronaves, retro escavadeiras, tratores, equipamentos agrícolas,empilhadeiras, pá carregadeiras, caldeiras, fornos e plataforma petrolíferas expelem na atmosfera grande quantidade de gases poluentes. No caso da queima em ar de hidrocarbonetos (metano, propano, gasolina, etanol, diesel, querosene, GNV, combustíveis sólidos e outros) são formadas centenas de compostos, por exemplo CO2, CO, H2O, H2, CH4, NOx, SOx, fuligem, metais pesados  etc, sendo que alguns desses compostos são os principais causadores do efeito estufa, da chuva ácida e de danos aos ciclos biogeoquímicos do planeta.

Estudos revelam que aproximadamente 40% da emissão dos gases responsáveis pelo efeito estufa é resultado direto da emissão de gases venenosos resultante da queima de combustíveis fosseis dos veículos e equipamentos automotores no planeta

A meta da União Européia é que os automóveis, que atualmente expelem 160 gramas de gás carbônico por quilômetros rodado, passem a emitir apenas 120 gramas até o ano de 2012. 
Para isso seria necessário reduzir o peso dos veículos, reduzir a velocidade máxima alcançada, produzir carros bicombustíveis, melhorar a eficiência do sistema de ar condicionado, criar motores mais eficientes.

O que é utilizado atualmente é o catalisador químico, acoplado ao escapamento do veículo. Mesmo com a presença de catalisadores nos automóveis, a emissão de CO2 para atmosfera continua sendo imensa. O catalisador tem o papel importante, mas atua de forma a minimizar apenas a emissão de CO2 e NO. Além disso, o catalisador perde a sua ação catalítica com o decorrer do tempo, ou mesmo quando ocorrem impactos, superaquecimento ou furos no conversor, comprometendo o seu funcionamento e até mesmo inutilizando-o completamente.

O Monóxido de carbono é altamente tóxico, forma com a hemoglobina do sangue um composto mais estável do que a hemoglobina e o oxigênio, onde em alta concentração acima de 400 PPM pode causar a morte por asfixia e intoxicação. Expor seres humanos a doses relativamente altas ocasionará problemas de visão, redução da capacidade motora, redução  da capacidade manual, dificuldades de aprendizado e impossibilitando a resolução de atividades complexas.

Ao atingir o cérebro, pela falta de oxigenação podemos perder a memória, ocorrerão distúrbios do sono, nervosismo, ansiedades e o organismo pode entrar em colapso total.

O Protocolo de KYOTO assinado em 1997 tem como objetivo a redução dos gases poluentes. Em um breve espaço de tempo os principais gases poluentes: dióxido de carbono, monóxido de carbono, gás metano, perfluorcarbonato, óxido nitroso e os hidrofluorcarbonato, deveram diminuir drasticamente em percentual de emissão dos gases na atmosfera, objetivando baixar a temperatura e reduzir o efeito estufa diminuindo as catástrofes atmosféricas ex. vulcões, terremotos tempestades e vendavais propiciando uma qualidade de vida melhor ao homem.

Escopo da invenção

Diante das diversas dificuldades encontradas no estado da técnica no sentido de diminuir e/ou eliminar a emissão de gases poluentes na atmosfera, foi desenvolvido o Sistema de arrefecimento e filtragem de gases.

O Sistema de arrefecimento e filtragem de gases é composto de: Radiador, Ventoinha, Reservatório de água, Bomba d água, Duto de liquido quente, Duto de liquido frio, Trocador de calor, Filtro de gases no interior do silenciador. Sendo que o elemento Trocador de calor, integrante do Sistema de arrefecimento e filtragem de gases é composto por: Entrada de gases quentes, Difusor/ distribuição dos gases para serpentina, Serpentina, Entrada de liquido de arrefecimento frio, Saída de liquido quente, Difusor de saída, Saída de gases arrefecidos. O Trocador de calor, por sua vez, é acoplado ao Silenciador, no interior do qual conterá um filtro composto uma ou diversas camadas  de elementos filtrantes.

O Sistema de arrefecimento e filtragem de gases será acoplado ao escapamento, equipamento ou estrutura, é um conjunto independente, ou seja, não interfere no sistema convencional do veiculo, equipamento e/ou estrutura que permanecem inalterados, o que gera comodidade e praticidade uma vez que o seu funcionamento é totalmente independente do sistema convencional atual. Além disso, o Sistema de arrefecimento e filtragem pode ser utilizado em conjunto com elementos filtrantes já existentes, como por exemplo, o Filtro de Partícula Diesel (FDP) original Walker, desenvolvido através de empresa Walker Sistemas de escape, ou outros filtros com a mesma semelhança e função.

A presente invenção é melhor detalhada através do Desenhos abaixo:

Descrição dos desenhos anexos:

FIGURA 1: Sistema de arrefecimento e filtragem de gases, acoplado ao escapamento

Figura 2: Demonstração completa do Sistema de arrefecimento e filtragem de gases
1.    Radiador
2.    Ventoinha
3.    Reservatório de água
4.    Bomba de água
5.    Duto de liquido frio
6.    Duto de liquido quente
7.    Trocador de calor
8.    Filtro de gases no interior do Silenciador

Figura 3: Detalhe em corte do trocador de calor
1.    Entrada de gases quentes
2.    Difusor/ distribuição dos gases para serpentina
3.    Serpentina
4.    Entrada de liquido frio
5.    Saída de liquido quente
6.    Difusor de saída
7.    Saída de gases arrefecidos
8.    Silenciador e filtro de gases

Figura 4: Interior do Silenciador contendo filtro de gases com detalhe das camadas filtrantes
1.    Entrada de gases
2.    Saída de gases
3.    Elementos filtrantes

Figura 5: Sistema de arrefecimento e filtragem de gases  acoplado a carroceria de um veículo:
1.    Radiador
2.    Ventoinha
3.    Reservatório de água
4.    Bomba de água
5.    Duto de liquido frio
6.    Duto de liquido quente
7.    Trocador de calor
8.    Silenciador e filtro de gases

Descrição detalhada da presente invenção

A Figura 1 apresenta o Sistema de arrefecimento e filtragem de gases veicular, objeto do pedido de patente, o qual é acoplado ao escapamento do veículo, equipamento ou estrutura que utilizem motores a combustão através da queima de combustíveis líquidos ou sólidos e que produzam gases. O presente Sistema pode ser adaptado a qualquer tipo, modelo e tamanho de veículo automotor, equipamento ou estrutura tais como equipamentos agrícolas, empilhadeiras, pá carregadeiras, caldeiras, fornos e plataforma  petrolíferas.

O funcionamento detalhado e por partes da referida invenção é apresentado a seguir:

O funcionamento da presente invenção, apresentado na Figura 2, dá-se da seguinte forma: o liquido de arrefecimento frio sai do radiador (1), circula através dos dutos de liquido frio e de liquido quente (5 e 6), passando pelo trocador de calor (7), sendo a bomba d água (4) responsável pela circulação do liquido frio e quente pelo trocador de calor. O reservatório de água (3) é responsável por armazenar e identificar o nível do liquido. O radiador (1) é responsável pela dissipação do calor em conjunto com a ventoinha (2) que irá forçar a circulação do ar atmosférico pelas aletas do radiador.

O trocador de calor demonstrado na Figura 3 trata-se de um elemento metálico fechado, dimensionado de acordo com a carroceria de cada veículo automotor, equipamento e/ou estrutura que utilize motor a combustão. Este trocador de calor compõe-se de: (1) Entrada de gases quentes, (2) Difusor/ distribuição dos gases para serpentina, (3) Serpentina, (4) Entrada de liquido de arrefecimento frio, (5) Saída de liquido quente, (6) Difusor de saída, (7) Saída de gases arrefecidos. O Trocador de calor, por sua vez, é acoplado ao (8) Silenciador, no interior do qual conterá um filtro composto de uma ou diversas camadas de elementos filtrantes.

O funcionamento do trocador de calor realiza-se da seguinte forma: os gases quentes oriundos da queima do combustível do motor entram no trocador de calor (1), são distribuídos no difusor de entrada (2), são distribuídos pelas serpentinas (3), circulam internamente pelas serpentinas onde haverá uma troca térmica com o liquido arrefecedor frio que circula no interior do trocador de calor e os gases são direcionados para o difusor de saída (6). Estes gases já resfriados sairão pelo duto de saída de gases arrefecidos (7) em direção ao silenciador/filtro de gases (8).

O silenciador demonstrado na Figura 4, no interior do qual serão adaptados elementos filtrantes (3) terá a finalidade de receber os gases arrefecidos através do duto de entrada de gases (1) oriundos do trocador de calor. Estes elementos filtrantes terão a função de eliminar, diminuir, neutralizar os elementos poluentes oriundos da queima de combustível do motor.  Os elementos filtrantes podem ser um destes ou um conjunto destes itens: ímãs, carvão ativado, manta de aço, raspas de couro e fibra de casca de coco, colméia em cerâmica porosa, colméia em porcelana porosa,manta magnética em poliéster,manta magnética em nylon. Após a retenção de elementos poluentes, os gases limpo e tratados serão liberados para atmosfera (2). O Sistema de arrefecimento e filtragem de gases também pode ser adaptado a qualquer outro elemento filtrante já existente no mercado, como por exemplo, o Filtro de Partícula Diesel (FDP) original Walker, desenvolvido através de empresa Walker Sistemas de escape, ou outros filtros com a mesma semelhança e função.

O dimensionamento do silenciador/filtro de gases será de forma a ser executada a manutenção dos elementos internos de acordo com tempo de vida útil dos elementos filtrantes.

Um exemplo do Sistema de arrefecimento e filtragem de gases, já acoplado a carroceria de um veiculo (Figura 5), demonstra este mesmo Sistema poderá ser adaptado a veículos automotores, outros equipamentos e/ou estruturas que utilizem motores a combustão através da queima de combustíveis líquidos ou sólidos e que produzam gases, tais como ônibus, carros, geradores de energia, motores estacionários, caminhões, motocicletas, embarcações navais,  aeronaves, retro escavadeiras, tratores, equipamentos agrícolas,empilhadeiras, pá carregadeiras,caldeiras, fornos e plataforma petrolíferas expelem na atmosfera grande quantidade de gases poluentes

De forma resumida, o funcionamento do Sistema de arrefecimento e filtragem de gases se realiza de forma que: um liquido arrefecedor circula pelo trocador de calor (Figura 3) através dos dutos de liquido frio e quente  (Figura 2 – n° 5 e 6). A passagem deste liquido, em contado com as serpentinas (Figura 3 – n° 3), no interior das quais conterão gases provenientes da queima de combustível do motor, acarretará uma diminuição da temperatura dos gases provenientes da queima do combustível do motor. Diante da diminuição da temperatura destes gases, ao se direcionarem para o silenciador contendo filtro de gases (Figura 4), os gases se tornam menos voláteis, em um estado próximo de condensação, possibilitando então que as partículas poluentes sejam retidas pelo filtro de gases composto por um ou diversos elementos, no interior do Silenciador.

Fig. 1



Fig. 2
Fig. 3

Fig. 4
Fig. 5

RESUMO

SISTEMA DE ARREFECIMENTO E FILTRAGEM DE GASES

A presente invenção trata-se de um Sistema de arrefecimento e filtragem de gases veicular, resultantes da queima de combustíveis advindos de veículos automotores, equipamentos ou estruturas que utilizem motores a combustão através da queima de combustíveis líquidos, sólidos ou gasosos e que produzam gases na atmosfera. O Sistema tem como objetivo propiciar a neutralização, diminuição e eliminação dos poluentes, assim como a retirada de calor e fuligens que são emitidos diariamente através dos escapamentos. O Sistema de arrefecimento e filtragem de gases é composto de: Radiador, Ventoinha, Reservatório de água, Bomba d água, Duto de liquido quente, Duto de líquido frio, Trocador de calor, Filtro de gases no interior do silenciador. O Trocador de calor é composto por: Entrada de gases quentes, Difusor/ distribuição dos gases para serpentina, Serpentina, Entrada de liquido de arrefecimento frio, Saída de liquido quente, Difusor de saída, Saída de gases arrefecidos. O Trocador de calor, por sua vez, é acoplado ao Silenciador, no interior do qual conterá um filtro de gases.